Ciências
   click no linck para ver outra enquete

http://www.enquetes.com.br/index.asp?id=450307

 Escrito por Matheus Wilson às 21h31
[] [envie esta mensagem]


 
   Click no link abaixo para votar na enquete:

http://www.enquetes.com.br/popenquete.asp?id=64902



 Escrito por Matheus Wilson às 21h25
[] [envie esta mensagem]


 
   Materias

 para enviar materias para mim mande para matheus.wilson@bol.com.br

 Escrito por Matheus Wilson às 21h22
[] [envie esta mensagem]


 
   Quais as vantagens de reciclar alumínio

  Com a colaboração do consumidor, podemos facilitar ainda mais o processo de reciclagem. A reciclagem do material é muito importante, não apenas para diminuir o acúmulo de dejetos, como também para poupar a natureza da extração inesgotável de recursos. Veja como fazer a coleta seletiva e dar a sua parcela de contribuição na preservação do meio ambiente.

Passo a passo:

1. Procure o programa organizado de coleta de seu município ou uma instituição, entidade assistencial ou catador que colete o material separadamente. Veja primeiro o que a instituição recebe. Não adianta separar, por exemplo: plástico, se a entidade só recebe papel.

2. Para uma coleta de maneira ideal, separe os resíduos em não-recicláveis e recicláveis e dentro dos recicláveis separe papel, metal, vidro e plástico.

3. Veja exemplo de materiais recicláveis:

- Papel: jornais, revistas, formulários contínuos, folhas de escritório, caixas, papelão, etc.

- Vidros: garrafas, copos, recipientes.

- Metal: latas de aço e de alumínio’, clipes, grampos de papel e de cabelo, papel alumínio.

- Plástico: garrafas de refrigerantes e água, copos, canos, embalagens de material de limpeza e de alimentos, sacos.

4. Escolha um local adequado para guardar os recipientes com os recicláveis até a hora da coleta. Antes de guardá-los, limpe-os para retirar os resíduos e deixe-os secar naturalmente. Para facilitar o armazenamento, você pode diminuir o volume das embalagens de plástico e alumínios amassando-as. As caixas devem ser guardadas desmontadas.

Atenção:

Os objetos reciclados não serão transformados nos mesmos produtos. Por exemplo, garrafas recicláveis não serão transformadas em outras garrafas, mas em outros materiais, como solados de sapato.

Debata este assunto no Fórum Clique aqui

 




 Escrito por Matheus Wilson às 21h19
[] [envie esta mensagem]


 
  

Conheça as tecnologias para reciclagem de termoplásticos
Clique nas opções abaixo e leia tudo a respeito:



 Escrito por Matheus Wilson às 21h17
[] [envie esta mensagem]


 
  
Custo baixo impulsiona reciclagem de plástico

A reciclagem de PET (polietileno tereftalato) está crescendo cerca de 30% ao ano no Brasil, impulsionada pelo preço menor em relação à resina virgem e pela crescente preocupação com a questão ambiental, segundo a Associação Brasileira dos Fabricantes de Embalagens de PET (Abepet).
O quilo da resina de PET virgem custa em média US$ 1,10, enquanto o produto reciclado é vendido a US$ 0,65.
De acordo com Hermes Contesini, coordenador da Abepet, 41% do produto reciclado converte-se em fibra de poliéster. “Hoje, 60% dos revestimentos dos carros brasileiros são de PET reciclado”, diz. Uma parte destina-se a roupas e garrafas.
Das 270 mil toneladas de embalagens PET produzidas no ano passado, cerca de 30%, 89 mil toneladas, foram recicladas, segundo a Abipet.
O setor é dominado por empresas de médio porte. Ao todo, são 22 empresas utilizando a matéria-prima na fabricação de produtos acabados. l

Fechar

Fonte: Panorama Brasil



 Escrito por Matheus Wilson às 21h17
[] [envie esta mensagem]


 
  
Reciclagem de Vidro

Entre os diferentes tipos de embalagens, o vidro é o que apresenta melhores condições de reciclagem, e, pode ser totalmente reaproveitado, sem nenhuma perda de qualidade.
A CISPER participa, administra e incentiva programas de educação ambiental e de reciclagem de vidro.

Com esta iniciativa, as comunidades aprendem a preservar a natureza e viver com melhor qualidade de vida.

A reciclagem da embalagem de vidro significa:


Redução na extração de minerais;
Energia, o caco de vidro precisa de menos tempo nos fornos prolongando a vida útil dos mesmos, além de economizar energia;
Diminuição da emissão de CO2 na atmosfera;
Diminuição da quantidade dos materiais depositados em aterros, aumentando a sua vida útil.

Tonéis de recolhimento
A reciclagem do vidro vem se tornando uma prática em nossa sociedade.

Atualmente o Brasil recicla 35% das embalagens produzidas e este, é um número muito baixo comparado a outros países como a Suiça (84%) e a Alemanha (75%).




Tonéis para recolhimento
de vidro para reciclagem



Veja, a seguir, alguns dos muitos programas de reciclagem que estão em andamento:

Angra dos Reis/RJ - foi criado para solucionar problema do lixo em áreas de difícil acesso. Organizado pela Prefeitura, o programa começou pequeno em 1990. Em 1997 forneceu à CISPER 231 toneladas de vidro.
Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro/RJ - foi estabelecida uma parceria com a COMLURB. O programa teve como desafio inicial, implatar 18 cooperativas distribuídas estratégicamente nos diversos bairros. O volume de vidros fornecido por cada cooperativa hoje é de 10 ton./mês por bairro.
Belo Horizonte/MG - A SLU (Companhia de Limpeza Urbana), com o apoio financeiro do BENGE e do Fundo Monetário de Meio Ambiente, foi responsável pela distribuição de 50 containers em pontos estratégicos até 1997. O programa tem forte divulgação e apelo social: os recursos obtidos são repassados a Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte.
Projeto Reciclareando - organizado pela Psicóloga Maria José da Silva Nesi de Souza, consiste em reciclar o lixo inorgânico de escolas e condomínios de São Paulo e ABC Paulista através do sistema de troca por gêneros de necessidade.
São Paulo/SP - a COPLANA - Cooperativa dos Plantadores de Cana de Guariba, tem como objetivo reciclar as embalagens do produto. A coleta vai para uma central de triagem que separa os diversos materiais (vidro, plásticos, metal) e os encaminha para as respectivas indústrias.

Preservar a natureza é preservar à nós mesmos!



 Escrito por Matheus Wilson às 21h16
[] [envie esta mensagem]


 
  

A reciclagem é um princípio que faz parte da filosofia da Alcan no mundo todo. Reciclar é economizar recursos naturais, como no caso da energia elétrica, e este é um valor essencial para nós.
Aqui você saberá tudo sobre a reciclagem na Alcan. No item Processo de Reciclagem você conhecerá as etapas da reciclagem do alumínio, visualizando um ciclo que pode ser repetido infinitas vezes.
Na área Comercial estão reunidas informações e orientações sobre as relações comerciais para o fornecimento de alumínio para reciclagem na Alcan, além de dados sobre reciclagem no Brasil e no mundo, com histórico e números.
Você ainda pode conhecer nossos projetos sociais envolvendo a reciclagem do metal, saber como reciclar, e fazer uma visita virtual ao nosso Centro de Reciclagem de Pindamonhangaba.

Alcan economiza energia com reciclagem

A reciclagem de latas de alumínio é mais um processo que a Alcan utiliza para aproveitar todas as propriedades do alumínio, metal não ferroso reciclável.
O Centro de Reciclagem da Alcan, em Pindamonhangaba ( SP ), opera com 80 mil toneladas de latas anuais, trabalhando com fluxo de retorno permanente, o que permite economia de até 95% em relação á energia empregada para produzir alumínio primário.
Para fabricar 1 tonelada de alumínioprimário, a empresa gasta 16 000 K W/h de energia. Porém, partindo da lata reciclada, o consumo é de apenas 5% desse total. Considerando a capacidade do Centro de Reciclagem, a Alcan economiza o equivalente a 1 216 GW de energia por ano, resultando em menos energia por ano, resultando em menos desperdicio e preservação da natureza. Alcan Alumínio do Brasil, tel: (11) 416-4700



 Escrito por Matheus Wilson às 21h16
[] [envie esta mensagem]


 
  
Reciclagem de Alumínio

Embalagens de alumínioO que é o alumínio ?

O alumínio é um metal branco e prateado que por ser extremamente leve e resistente à corrosão, possui inúmeras aplicações na indústria.
Por ser um metal nobre, de alto valor residual, possui uma série infindável de aplicações, servindo para a fabricação de diversos
produtos tais como grades, janelas, telhas, panelas, barcos, peças para automóveis, artigos eletrônicos, dentre outros.


Como se fabrica o alumínio ?

O alumínio é obtido a partir de um minério chamado bauxita. Para fabricá-lo, é preciso separar os elementos que compõem a bauxita da alumina. Chega-se à alumina (a alumina é um pó branco e fino, bem parecido com o açúcar) através de um processo de refinação. Depois
de uma série de processos químicos, chega-se ao alumínio. É preciso ressaltar que o alumínio é um metal 100% e infinitamente reciclável.

Quais as vantagens de reciclar o alumínio ?

A cada quilo de alumínio reciclado, cinco quilos de bauxita (minério de onde se produz o alumínio) são poupados. Para se reciclar uma tonelada de alumínio, gasta-se somente 5% da energia que seria necessária para se produzir a mesma quantidade de alumínio primário, ou seja, a reciclagem do alumínio proporciona uma economia de 95% de energia elétrica. Para se ter uma idéia, a reciclagem de uma única latinha de alumínio economiza suficiente energia para manter um aparelho de TV ligado durante três horas.

Principais benefícios da Reciclagem:

Sociais
· Colaboração para o crescimento da consciência ecológica na comunidade ;
· Menor agressão ao meio ambiente ;
· Incentiva a reciclagem de outros materiais ;
· Promove o aumento de renda em áreas carentes ;
· Beneficia entidades assistenciais tais como igrejas e escolas.


Políticos

· Colabora para o estabelecimento de políticas de destinação de resíduos sólidos ;
· Ajuda no conhecimento da composição do lixo urbano ;
· Pode ser adaptável a realidades diferentes sem problemas (cidades grandes, médias e pequenas)

Econômicos

· Injeção de recursos na economia local ;
· Fonte de renda permanente para mão-de-obra não qualificada ;
· Não necessita de grandes investimentos ;
· Proporciona grande economia de energia elétrica ;
· Estimula outros negócios Ex: máquinas e equipamentos para prensagem e fundição de latas, cooperativas e centros de reciclagem.

Segundo a ABAL - Associação Brasileira do Alumínio, em 1999 o país atingiu o seu recorde de reciclagem de latas de alumínio, com um índice de 73%. É o maior percentual desde 1989, quando foram iniciadas as
estatísticas.

Um dos principais efeitos do programa de reciclagem é a geração de renda permanente para as pessoas envolvidas na coleta das latas vazias. Cooperativas de catadores, aposentados, desempregados e subempregados encontram na coleta de latas
destinadas à reciclagem uma fonte de renda ou a complementação de outras fontes. Ainda segundo a ABAL, estima-se que mais de 130 mil pessoas na atualidade vivam exclusivamente de coletar latas para reciclagem, recebendo, em média, três salários mínimos por mês.

Voltar ao topo



 Escrito por Matheus Wilson às 21h15
[] [envie esta mensagem]


 
    
Resíduos Podem ser reciclados Cuidados a ter Não pode ser reciclado
Papel e cartão Papel e cartão Caixas de cartão, caixas de cereais e de bolachas, caixas de ovos, papel de embrulho, envelopes, listas telefónicas, cadernos, livros, jornais, revistas e cartazes Devem ser retirados agrafos, autocolantes, cordéis, fitas adesivas, plásticos e todos os materiais que não possam ser reciclados com o papel Papéis sujos, guardanapos e lenços de papel, pratos de papel, papel encerado ou plastificado.
Papel carbono (papel químico), papéis sanitários, papéis metalizados, fotografias,
Vidro  Garrafas e frascos de vidro Garrafas e os frascos de vidro devem ser bem secos e devem ser retirados gargalos de plástico ou de metal e as rolhas. Podem deixar-se ficar os rótulos de plástico ou papel. Loiça de vidro, cristais, vidros de janela, copos, espelhos ou lâmpadas, tubos de TV.
Latas Sucata de lata, latas As latas devem ser achatadas. Esponjas de aço, canos.
Embalagens Tetra-Brik ou embalagens de cartão para líquidos alimentares Cartão complexo As embalagens devem ser enxaguadas e espalmadas
Plástico Plásticos (Embalagem de refrigerante, embalagem de produtos de limpeza, copinhos descartáveis, embalagem de margarina, canos e tubos, sacos plásticos em geral) Espalmados se possível Cabos de panela, tomadas, misturas de papel / plástico / metal
Matéria fermentável Cascas de fruta, restos de legumes, aparas de jardim (relva, folhas, arbustos) O contentor deve ter uma tampa


 Escrito por Matheus Wilson às 21h11
[] [envie esta mensagem]


 
   O que é Reciclagem

 

Reciclagem é um conjunto de técnicas que tem por finalidade aproveitar os detritos e reutiliza-los no ciclo de produção de que saíram. E o resultado de uma série de atividades, pela qual materiais que se tornariam lixo, ou estão no lixo, são desviados, coletados, separados e processados para serem usados como matéria-prima na manufatura de novos produtos.

Reciclagem é um termo originalmente utilizado para indicar o reaproveitamento (ou a reutilização) de um polímero no mesmo processo em que, por alguma razão foi rejeitado.

Reciclar outro termo usado, é na verdade fazer a reciclagem.

O retorno da matéria-prima ao ciclo de produção é denominado reciclagem, embora o termo já venha sendo utilizado popularmente para designar o conjunto de operações envolvidas. O vocábulo surgiu na década de 1970, quando as preocupações ambientais passaram a ser tratadas com maior rigor, especialmente após o primeiro choque do petróleo, quando reciclar ganhou importância estratégica. As indústrias recicladoras são também chamadas secundárias, por processarem matéria-prima de recuperação. Na maior parte dos processos, o produto reciclado é completamente diferente do produto inicial.



 Escrito por Matheus Wilson às 21h07
[] [envie esta mensagem]


 
      
 
 

HISTÓRICO
 04/04/2004 a 10/04/2004



OUTROS SITES
 UOL
 UOL SITES


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!